• Dia Mundial de Proteção às Florestas

    Hoje, 17 de Julho, é o Dia Mundial de Proteção às Florestas. Estas estão dentre os ecossistemas mais ricos do planeta, onde se desenvolvem as mais diversas espécies de plantas, árvores, folhas, animais. As florestas são, sem dúvidas, umas das maiores riquezas naturais de nosso planeta. Segundo a Organização das Nações Unidas, elas podem ser definidas como “uma área medindo mais de 0,5 hectares com árvores maiores que 5 m de altura e cobertura de copa superior a 10%, ou árvores capazes de alcançar estes parâmetros in sito”.

    11059402_506695889480247_3890172239953365369_n

     “Fui à floresta porque queria viver deliberadamente, encarar apenas os fatos essenciais da vida, e ver se eu poderia aprender o que ela tinha a ensinar…” Thoreau

    11704999_506695896146913_697774280044014068_n

    A preservação e sustentabilidade está em cada atitude, dos indivíduos às comunidades. Cada pequeno gesto faz diferença. Mudar o paradigma de ver separação entre nós, os seres humanos,  e a natureza, pode ser fundamental para nos vermos verdadeiramente atuantes no meio-ambiente. Fazemos parte deste ecossistema e sermos mais conscientes em nossas ações, palavras e pensamentos pode sim ecoar a proporções maiores.

    11742809_506696816146821_8321005996102136022_n

    Então, quais serão suas ações efetivas mais sustentáveis a partir de hoje? O que está ao alcance de suas mãos para que não só as florestas e oceanos sejam preservados, mas também o ar que respiramos, a água que utilizamos, o lixo que produzimos e os alimentos que comemos estejam alinhados a um mundo mais sustentável? Estamos juntos nessa!

    “Atitude é uma pequena coisa que faz uma grande diferença.”  Clarice Lispector

Alice Árabe

Author:


Leave a comment

If you want to share your opinion, leave a comment.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

  • Gustavo Schaeppi says:Reply
    22 de julho de 2015 at 00:34

    A indagação ao tema é o ponto de partida! Muito bacana a postagem, precisamos encontrar novos caminhos e formas de lidar com a natureza.